RSS

G-Portugol 1.1 no Ubuntu 10.04 LTS

18 jun

Foi lançada este mês a versão 1.1 do G-Portugol, que é uma linguagem de programação totalmente em português,derivado do que se conhece por “portugol”, uma notação muito utilizada para o ensino de algoritmos. O diferencial do G-Portugol em relação a outras implementações do portugol, é que ele utilizada acentos e cedilhas, além de rodar em sistemas Windows e GNU/Linux.

O G-Portugol foi tema do meu trabalho de TCC. Eu não criei o G-Portugol, mas uma boa parte do código que foi adicionado nesta versão foi produzido por mim durante este trabalho de fim de curso. Particularmente, adicionei a instrução “repita… até” e a capacidade da instrução “retorne” no bloco principal, além da correção de alguns bugs. Software livre é isso.

Para instalar o G-Portugol no Ubuntu 10.04 LTS, até que seja liberada o pacote .deb, proceda da seguinte forma:

Obtendo o G-Portugol

O G-Portugol é a linguagem de programação, e como você deve saber, precisamos de um compilador para transformar essa linguagem que pode ser lida por nós humanos para a linguagem de máquina, que será lida pelos computadores. No caso do G-Portugol, esse compilador é o gpt, que você deve baixar da página do projeto, na seção Código Fonte.

Após fazer o download, clique sobre o arquivo com o botão direito e depois na opção “Extrar aqui…”

Preparação do ambiente

Instale as ferramentas necessárias para compilação/instalação e correto funcionamento do gpt

sudo aptitude install antlr libantlr-dev make g++ libpcre3-dev  nasm

Compilação e instalação

Entre no diretório criado quando você extraiu o arquivo baixado e execute os seguintes comandos

./configure
make
sudo make install

Testando se instalou corretamente

Execute o comando abaixo e se a saída foi semelhante a esta, a instalação foi feita e você poderá compilador seus algoritmos

gpt -v

GPT – Compilador G-Portugol
Versão  : 1.1
Website : http://gpt.berlios.de
Copyright (C) 2003-2009 Thiago Silva <tsilva@sourcecraft.info>

Fazendo o Olá Mundo

Esse pacote que você descompactou traz também um arquivo de exemplo com o velho Olá Mundo em G-Portugol, no diretório exemplos.

cd exemplos
gpt olamundo.gpt
./olamundo

Olá Mundo!

Prontinho, agora você pode fazer seus programas em G-Portugol, usando seu editor de texto preferido. Eu indico o G-Edit. Para maiores informações, veja a documentação do G-Portugol.

 
10 Comentários

Publicado por em 18/06/2010 em Tutorial

 

Tags: , , , ,

10 Respostas para “G-Portugol 1.1 no Ubuntu 10.04 LTS

  1. Charleno Pires

    30/06/2010 at 01:13

    Fiquei curioso sobre o seu trabalho de TCC, se quiser postar, pode ficar a vontade😀

     
  2. adorilson

    30/06/2010 at 14:23

    Opa Charleno,

    pois é, isso está no minha TODO list sim.
    Mas só vou postar qd enviar a versão para ser encadernada, o que ainda não fiz…

     
  3. André Gondim

    20/07/2010 at 17:32

    Olá Adorilson,

    Podes me dizer teu e-mail, um amigo meu se interessou naquela oportunidade de desenvolvedor wordpress.

    Abração!!😉

     
  4. adorilson

    20/07/2010 at 17:45

    Opa André,

    isso aí ele tem de ver com o @machadofelipe, eu apenas dei RT em uma mensagem dele.

    Boa sorte aí pro seu amigo.

     
  5. Domingos

    07/12/2010 at 02:20

    Ola Adorilson!
    Tudo beleza?

    Segui o seu passo-a-passo, mas quando rodo o make é retornada a seguinte mensagem: “make: *** Nenhum alvo indicado e nenhum arquivo make encontrado. Pare.”.
    Você poderia me dar mais uma ajuda?

    Desde já agradeço.

     
  6. adorilson

    16/12/2010 at 04:43

    Olá Domingos,

    o make procura um arquivo chamado Makefile, que é onde estão o que ele chamou de alvo aí na mensagem de erro. Esse arquivo é criado com o comando ./configure, se ele não o encontrou, esse passo deve ter dado errado. Talvez algum dependencia nao tenha sido instalada com o “sudo aptitude…”

    Acho q a melhor coisa a fazer é vc entrar na lista de discussao do G-Portugol e pedir uma ajuda por lá: https://lists.berlios.de/mailman/listinfo/gpt-usuarios

    Mande a sequencia de comandos que vc executou e suas saídas.


    Adorilson

     
  7. Gilfran Ribeiro

    25/12/2010 at 19:24

    Acho interessante esse tipo de iniciativa… Por mais que a cada dia os meios estejam mais acessíveis para o estudo da programação, ainda vejo uma carência muito grande no que diz respeito a introdução à lógica de programação…

    Muitos cursos superiores hoje em dia adotam diretamente java nas disciplinas iniciais para pessoas que muitas vezes ainda nem viram nada de programação, vem logo aquele discurso do “Isso aqui você não precisa entender agora, no futuro você entenderá”. Sendo assim, deixemos o futuro para o futuro e adotemos linguagens mais favoráveis para o ensino da lógica de programação.

    Reforço o pedido do Charleno, tão logo seja possível, posta o seu TCC para que possamos dar uma olhada.

    Abraços

     
  8. adorilson

    14/02/2011 at 22:02

    Olá Charleno e Gilfran,

    finalmente fiz um post falando algo mais sobre o trabalho e anexei o trabalho também. Qualquer coisa só dizer.

    []’s
    Adorilson

     

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: